ERP: entenda o que é e o que ele pode fazer pela sua empresa

ERP: entenda o que é e o que ele pode fazer pela sua empresa

Num mercado corporativo tão competitivo, é muito comum surgirem questionamentos sobre como encontrar as melhores estratégias para se destacar de seus concorrentes e obter sucesso.

Podemos dizer, sem dúvida, que manter o controle de todos os seus processos, integrando dados e informações com mais segurança e assertividade são fatores imprescindíveis para que isso aconteça. Mas, este tem sido um grande desafio para muitas empresas.

Por isso, um sistema ERP torna todo esse processo muito mais fácil. Ao concentrar todas as informações da empresa em um único lugar, integrando departamentos e fornecendo dados muito mais sólidos, amplia as chances de decisões mais assertivas ao crescimento do negócio.

Se você está buscando melhorar a performance da sua empresa, vale apostar na implementação de um software de gestão. A seguir, vamos falar um pouco a respeito e te ajudar a compreender o que significa ERP e todas as vantagens que ele pode trazer para um negócio.

O que é ERP (Enterprise Resource Planning ou Planejamento dos Recursos da Empresa)

O ERP é um software de gestão empresarial – um sistema de informação – com função de auxiliar na gestão de todo o trabalho administrativo e operacional de uma empresa, integrando todos os dados e processos da organização em um único sistema.

Com um sistema ERP, é possível agregar informações desde o faturamento, fluxo de caixa, controle de estoque, até a administração de pessoal, por exemplo. Isto facilita o gerenciamento de dados, recursos e processos e permite que a empresa gerencie suas operações de forma automatizada e muito mais eficiente

Para que serve o sistema ERP?

O principal objetivo de um sistema ERP é a busca da eficiência administrativa da empresa, permitindo:

  • Agilidade e eficiência nas rotinas organizacionais, simplificando e automatizando os processos produtivos, financeiros e gerenciais.
  • Integração de informações, permitindo ao gestor mensurar cada detalhe do negócio de forma automatizada e em tempo real.
  • Integração dos departamentos, permitindo informações completas e consistentes.
  • Controle de estoque, controle de custos, controle de prazos, controle de pessoal, etc.

Com o respaldo de um ERP, é possível controlar essas e muitas outras informações (de acordo com a necessidade de cada negócio).

Como funciona um software de ERP?

O ERP é um software desenvolvido para integrar os diversos departamentos de uma empresa, possibilitando o armazenamento de todas as informações do negócio em um único sistema. Dessa forma, alimentando transações que liga todas as funções de uma empresa

Dentre as muitas funções, essas são algumas que um ERP possui:

  • Criação de Perfil de Usuários;
  • Cadastro de Empresas, Usuários, Vendedores, Clientes e Fornecedores;
  • Cadastro de Produtos/Serviços;
  • Criação de Orçamentos;
  • Faturamento, Emissão de Nota Fiscal Eletrônica, Fluxo de Caixa;
  • Geração de Boletos de Cobrança;
  • Baixas de Títulos a Receber;
  • Lançamentos de Empréstimos e Investimentos;
  • Controle de Estoque, Produção, etc.

Como o software ERP é utilizado nas empresas

Gerenciar, separadamente, todas as informações de uma organização, demanda muito tempo e é mais suscetível a erros. Com um sistema ERP em operação, a empresa tem todas essas informações dentro de um único sistema, facilitando a comunicação entre todos os departamentos, desde a administração, financeiro, RH, logística e produção. Assim, o gerenciamento e a análise dessas informações se tornam muito mais rápidas e seguras, reduzindo a probabilidade de erros.

Um sistema ERP é dividido em diversos módulos. Em grandes corporações, os módulos mais comuns a integrarem uma plataforma ERP são:

  • Módulo de Compras
  • Módulo de Recursos Humanos
  • Módulo Fiscal
  • Módulo de Produção
  • Módulo de Vendas
  • Módulo de controle de estoque
  • Módulo de CRM
  • Módulo de Marketing

Entretanto, é possível direcionar ou adaptar o ERP para outros objetivos, estabelecendo prioridades que podem tanto estar na cadeia de produção quanto no apoio ao departamento de pessoal, vendas, entre outras.

Vantagens de ter um sistema ERP

  • Integração de operações e departamentos.
  • Controle e padronização de processos.
  • Redução do tempo dos processos gerenciais.
  • Redução de estoque.
  • Aumento de produtividade e redução de erros.
  • Redução de custos.
  • Extinção de processos arcaicos e manuais.
  • Melhora na comunicação interna, otimizando o fluxo de informações e eficiência dentro da empresa.
  • Melhoria em Transportes / Logística.
  • Reduzir o retrabalho de atividades.
  • Redução dos limites de tempo de resposta ao mercado.
  • Incorporação de melhores práticas aos processos internos da empresa.

Além de fornecer todos esses benefícios, o investimento em um bom sistema ERP permite prever cenários, otimizar recursos, dando suporte à tomada de decisão e potencializando as chances de sucesso de uma organização.

Tipos de ERP

Existem alguns tipos de sistema de gestão ERP. O importante é conhecer as necessidades da sua empresa e as opções disponibilizadas pelo seu fornecedor.

Veja alguns exemplos para ajudar a compreender um pouco a respeito:

ERP local – é instalado localmente no hardware e servidores da sua empresa e, em seguida, gerido pela sua própria equipe de TI. Nesse tipo de sistema, a empresa precisará investir em servidores e treinamento de equipe especializada para manutenção e suporte do software.

ERP em nuvem – é um sistema de gestão ERP em nuvem. Nesse caso, os dados da empresa ficam hospedados no servidor do fornecedor e são acessados online. Para esse sistema, o suporte e gestão são oferecidos pelo fornecedor contratado e a empresa precisa apenas de um navegador e acesso à internet.

ERP de nicho – é um sistema desenvolvido para atender a uma necessidade específica de mercado, como um supermercado ou uma clínica, por exemplo.

ERP gratuito – Existem muitos desses sistemas disponíveis no mercado. Eles, muitas vezes, são uma opção inicial para pequenos empreendedores começarem a automatizar seus processos. Mas, como são limitados, provavelmente, demandarão uma substituição por uma solução mais profissional, a longo prazo.

Como escolher um ERP?

Para implantar um sistema ERP na empresa, é muito importante que exista uma conversa entre o fornecedor do software e os responsáveis pela empresa – tanto do setor administrativo quanto do departamento de TI – para determinar o que será melhor de acordo com o perfil e necessidade de sua organização.

Nessa conversa, é preciso ficar bem claro como sua empresa funciona, quais os requisitos que você precisa e como o sistema será implantado.

Algumas dicas podem ajudar no processo de escolha do melhor software de ERP:

  • Liste as principais necessidades de controle da empresa.
  • Analise sua disponibilidade de recursos para esse investimento.
  • Envolva seus colaboradores no processo, isso auxiliará no reconhecimento e definição das necessidades dos departamentos.
  • Opte por um fornecedor que ofereça soluções de sistema de gestão personalizadas para o seu ramo de atuação.
  • Consulte o histórico de sucesso do fornecedor escolhido com relação a uma empresa semelhante à sua.
  • Busque um fornecedor que trabalhe em conjunto para desenvolver a melhor solução, ele pode colaborar em toda a etapa do planejamento de implementação do novo sistema e suporte pós implementação.

Conclusão

Ao permitir uma visão ampla de todo o processo da organização, a empresa tem mais subsídios para se planejar, diminuir gastos e repensar a cadeia de produção. Assim, o sistema ERP auxilia numa gestão mais precisa e profissional de um negócio.

Organizar seus processos e informações torna sua gestão mais competitiva para crescer.

Entendeu as vantagens de um sistema ERP para sua empresa? Se ficou alguma dúvida, fale com a gente, será um prazer te ajudar!

Imagem

A tecnologia a seu favor. Obtenha mais resultados com a ferramenta certa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *